6 ANOS LEVANDO AS NOTÍCIAS DA TERRINHA QUERIDA

AQUI, FÁTIMA NORONHA TRAZ NOTÍCIAS DE SUA PEQUENA BRAZÓPOLIS, CIDADE DO SUL DE MINAS GERAIS.

E-MAIL DE CONTATO: fatinoronha@gmail.com

22 de janeiro de 2014

Brazópolis receberá motoniveladora do Governo Federal




O município de Brazópolis será contemplado com uma motoniveladora 0km do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA). A entrega da máquina acontecerá no próximo dia 24/01, às 10h, em Juiz de Fora, no anfiteatro de Estudos Sociais da Faculdade de Direito, no campus da UFJF.

A ação faz parte da segunda fase do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), que compreende também a doação de retroescavadeiras, caminhões-pipa e caminhões-caçamba.

“A entrega dessa máquina comprova o compromisso da presidenta Dilma com Brazópolis. A universalização das motoniveladoras foi uma ação assumida pela presidenta no início de 2013 e, hoje, temos a concretização dessa promessa, beneficiando várias famílias do campo e também a agricultura familiar”, comemora o deputado federal Odair Cunha (PT-MG), vice-líder do Governo no Congresso, que participará da solenidade em Juiz de Fora.
Com a última entrega realizada em Minas no dia 23/12, o Governo Federal já contabiliza mais de 1,2 mil máquinas destinadas ao estado. Até o fim do primeiro semestre de 2014, outras 1.372 serão distribuídas aos municípios mineiros, totalizando investimento de cerca de R$ 744 milhões e 2,5 milhões de pessoas no campo beneficiadas.
Com a doação das máquinas, as prefeituras poderão trabalhar na manutenção das estradas vicinais, facilitando a vida do homem do campo e o escoamento da produção agrícola, como da agricultura familiar. Segundo o MDA, dos 551 mil estabelecimentos agropecuários de Minas Gerais, mais de 437 mil são de agricultura familiar (79%). O setor emprega mais de 1,1 milhão de pessoas e responde por 32% do valor bruto da produção agropecuária mineira. Os agricultores familiares produzem boa parte dos alimentos do estado, como arroz (44%), mandioca (84%), milho (47%) e leite (45%).

Secretaria Brazópolis

12 comentários:

Anônimo disse...

Uai, mas num passado recente a prefeitura não tinha comprado uma máquina dessa ?
Lembro que até vi a mesma com faixas para comemorar. Se não me engano ela custou 550 Mil ou 650 Mil, algo assim....Será que ainda existe essa máquina ??? Ou já destruíram ?

Anônimo disse...

A campanha para as próximas eleições já começou gente.Esses presentinhos agora começam a chegar nos municípios.

Anônimo disse...

em vez de mandar essas maquinas a presidente dilma devia mandar era empressas para brazopolis ,pois ja temos maquinas novas aqui e aas estradas continuam uma vergonha ,aqi em brazopolis ,a dilma tem o pac ,o joaõ mauro tem o pdc pograma desaceleraçao do crescimento ,brazopolis e igual rabo de burro so cresce para baixo

Anônimo disse...

Cadê os desocupados de plantão pra meter o pau?

Anônimo disse...

Agora só falta aprenderem a trabalhar, Pois maquinas e caminhões tem, Pena que competência, o PAC NÃO DÁ!!!

Anônimo disse...

O problema maior é colocar essas máquinas pra trabalhar,condutores competentes e manutenção.Aqui tudo se destrói rapidamente.

Mariah desencantada. disse...

Será que a cidade precisa de mÁquinas? e aquela maquinazinha que fica dentro da cabeça,chamada CÉREBRO,não podia funcionar melhor? Acorda povo,entraram numa fria que tá durando muito.Quem se acomoda morre, de mesmice,falta de emprego,falta de educação,serviço de saúde.Brazopolis está encolhendo,ninguém vê?

Anônimo disse...

Aproveitando a hora do almoço pra falar contra,kkkk.Não tem o que falar a favor,aqui tá difícil,até quando eu não sei,depende de até onde o brazopolense vai dormir assim,sem interesse por nada e falta de animo.Agora já está perto de seiscentos funcionários na prefeitura,fazendo o que ninguém sabe, e pra que é uma incógnita.Empreguismo é o mal desse pais.Povo e burrice andam juntos,ouvi isto numa entrevista,e é a pura verdade,a burrice asola o nosso pais,até os indios da Colombia tem mais sabedoria.

srs disse...

ambuláncia que e bom nada neh , maquina para que para estragar mais a estradas do ja esta ...empresa pro povo trabalha nada ..so tem emprego na prefeitura quem puxa o saco...ate quando isso ...sera que algum dia algum prefeito vai trazer fabricas para ca ,,,ate a langeri que tinha ja esta falindo .. vamo povo fazer um panelaço na porta da prefeitura para ter alguma coisa ..uma ambulança um hospital melhor que os medicos do hospital possa atender no pronto socorro .. affss meu deus que cidade que nao vai pra frente ..ainda exibem MAQUINA pelo amor de deus neh ...dizem que cidade tem praga de padre sera verdade ....com raiva disso tudo ..

Anônimo disse...

Parabéns ao GRANDE PREFEITO João Mauro pela boa administração que está realizando correndo atrás do que Brasópolis necessita. Quanto ás criticas elas fazem parte da DEMOCRACIA.Quanto ao ciúme e inveja coitados ficaram por mais uns tempos bem longos o PT não sairá do poder tão fácil seus bobões.

Benedito sizenando disse...

É meu caro anonimo, em seu comentário de 22/01, você perguntou sobre os desocupados, creio que esse veículo de comunicação não foi criado para desocupados, mas sim para quem quer exercer seu direito de cidadão, eu assim o faço reclamando por estradas, limpeza pública, educação e acima de tudo SAÚDE porque a SAÚDE de Brazoplis está DOENTE. Gostaria que você e muito mais pessoas protestassem mas mostrando a cara, e não o fazendo de forma COVARDE, se promiscuindo no anonimato; AJUDE BRAZÓPOLIS nesse pequena grande voz.

Braso disse...

Parabéns a administração, os pequenos agricultores passam por um momento difícil, suas estradas de acesso as lavouras estão quase intransitáveis, tomara que essa maquina venha realmente atender os produtores familiares em suas estradas particulares de acesso a lavouras, lembrando que o setor que mais da empregos em Brazopolis é o setor rural com cerca de 60% da forca de trabalho do município, além da maior parte de dinheiro que movimenta nosso comercio gerando mais empregos.

Postar um comentário

Obrigada por dar a sua opinião.
Elogie, critique, mas faça isso com educação.
- Comentário com palavras de baixo calão será excluído.