AQUI, FÁTIMA NORONHA TRAZ NOTÍCIAS DE SUA PEQUENA BRAZÓPOLIS, CIDADE DO SUL DE MINAS GERAIS.

E-MAIL DE CONTATO: fatinoronha@gmail.com ou jornalajanela@yahoo.com.br

15 de outubro de 2014

Nasceu o garotinho João Antonio Gomes Goulart



Nasceu em 1o\10\2014 o lindo garotinho  João Antonio Gomes Goulart de Oliveira, filho de  Gabriel Charles Goulart de Oliveira e  Celina Aparecida Gomes Goulart de Oliveira.
Seus avós  paternos são: João Batista de Oliveira ( Correinha) e Rosana Dias Goulart de Oliveira
Os avós  maternos Dino Pereira Gomes e Luzia Pereira Gomes.
João Antonio também é bisneto de  João Benedito Dias ( João Goulart) e  Maria Aparecida De Oliveira ( Dona Fia Correa).

João significa o Agraciado por Deus, homenagem ao meu  pai, e principalmente ao meu avo João Goulart e  Antonio aquele que não tem preço, homenagem ao saudoso amigo Antonio Inácio Fernandes, uma justa homenagem aos que passaram em minha vida chamados João e Antonio, bem como meus santos de devoção, conta orgulhoso,  o pai Gabriel.

Parabéns aos pais, avós, bisavós e a toda família.

Bem vindo João Antonio!
Que as bênçãos de Deus sejam derramadas sobre você para que você tenha muita saúde uma vida repleta de felicidades!

MERCADINHO REAL COMEMORANDO SEUS 20 ANOS, CONVIDA !


Brazópolis está fedendo!!! - Fátima Noronha



Esta noite não consegui dormir. Não por preocupação ou falta de sono, mas porque estava com uma hospede indesejável  no meu quarto.
E sei que as amigas dela andam visitando muitas casas pela cidade inteira. Esta hospede nada mais  é que uma barata, mas não simplesmente uma barata. Era uma barata monstro. Sem mentir, acho que nunca vi uma tão grande. Ela deve ter saído do esgoto da rua, entrado pelo meu ralo da área de serviço, que é maior, e voado pra dentro.
Não consegui matá-la e fico imaginando quantas delas ainda vão aparecer.
Estou ficando cansada de tapar todos os meus ralos para que o odor fétido do esgoto da rua não entre em minha casa.
Estive conversando com várias pessoas, de várias partes da cidade que estão reclamando do mesmo problema.
Estive no final da  Rua Manoel Joaquim (Beira da linha) onde os moradores não estão conseguindo mais conviver com um esgoto a céu aberto que existe lá. Não se tem noção do fedor e do nojo que está aquilo. Os resíduos das descargas estão lá naquele esgoto nojento.
Quando passarem por lá vocês poderão ter uma noção.
A rede de esgoto da cidade, que é do século passado, quando Brazópolis tinha poucas casas para escoar suas fezes e urinas, não estão comportando o aumento do volume que cresceu muito.
Será que nossas autoridades não moram aqui?
Será que nas casas deles também não acontece isto?
O fedor está pela cidade inteira.
Além das sujeiras e lixos expostos, ainda temos que conviver com este mau cheiro insuportável?
Em certos horários não conseguimos nem comer com o odor horrível entrando pelas nossas narinas.
Sem contar a grande quantidade de baratas e, como todos sabem, atrás de uma barata sempre vem um escorpião, já que elas é uma das fontes de alimentação deste animal tão perigoso.
Peço, encarecidamente, que os responsáveis pelo setor tomem alguma providência urgente.
Ninguém merece viver assim.

13 de outubro de 2014

BRAZÓPOLIS - LINDAS FOTOS DE FERNANDO CAMPANELLA



III ENCONTRO DE CAVALOS E MULEIROS DO SUL DE MINAS EM STA RITA DO SAPUCAÍ.


NASCEU ALICE, MINHA MAIS NOVA SOBRINHA NETA.

Nasceu nesta sexta-feira, dia 10 de outubro, em Alfenas,  a pequena e linda Alice, filha de Raphaela Noronha e Ricardo Veiga.
Alice é neta de Agenor Eugênio, Eliane, Francisco e Sônia.
Parabéns aos pais, avós e titios.

Alice, seja muito bem vinda. Que sua vida seja de muita saúde e felicidades.
Estamos muito felizes com sua chegada.
Que Deus a abençoe sempre!

PRÓXIMO DOMINGO A COMÉDIA "PROCURA-SE MULHER PERFEITA.COM - PARTE 2 NO CLUBE WENCESLAU BRAZ




Uma super comédia que conta com o ator Vítor Branco (Praça é Nossa - SBT), Wanderlei Grillo (Ex-Malhação - Globo) e grande elenco.

Venha conferir!

Domingo, dia 19 de Outubro a partir das 20:30 horas no Clube Wenceslau Braz.

Uma risada por minuto ou seu ingresso de volta.

Ingressos a R$15,00

“JOSÉ-Ê-RONALDO-OS-DOIS-COMPADRES-ANALFABETOS” VERSOS-SERTANEJOS-DO-AUTOR-“POETA SOLITÁRIO”--“ZEZÉ” GONÇALVES-



                                                                   1
Irei Relatar-Prús-Sabidos-Estudados-Imaginar-Ús-Tempos Antigos-Passados-Ê-Como Eles-Conversavam-Palavras Deles-Como Todos, Lhê-Pronunciavam. Tempo Antigo-Entres Eles-Prosear-Amigo-Palestrar-Soletrar-Deles-Vou Falar-
Ouvia-Analfabetos Tal-Dia-Dialogar-Legal-Diversos-Dizia-Irei Rimar-Versos.
Naquele Tempão-Ú-Tal Bão-Povão--Sertão-Não-Tinha Instrução-Educação-    
Fazia-Prece-Parece-Que Era-Sinceridade-Amor-Por-Paquera-Ia-Durabilidade?
Á-Conversa Era-Quase que Assim-Ói-Compadi Eu Vim-Arqui Pá-Nói-Prosiá- Uai-Falá-Ú-Quê-Queria Preguntá-Sú-Sê-Vai-Saudo-Passiá-Não Cumpá-Nardo.
Prú-Quê-Cumpá Zé-Vô-Dizê-Cumpá-Nardo-Tô-Pá-Muê-Arquí-Tar-Cardo-Dí-Cana-Caiana-Par-Muié-Cuar-Bão-Carfé-Gararpa-Pá-Agenti-Pônhá-Ná-Charpa.
Quenti-Fugão-Dí-Tarpa-Ná-Lenha-Agenti-Impenha-Fazê-Rarpadura-Cabi-Pá- Cumê-Úê-Durçura-Uai-Engenhão-Tá-Tinhino-Meu-Burrão-Sabi-Qui-Eu-Vai?
                                                            2
Ino-Preçardo-Á-Trabaiá-Cumpá-Nardo-Quê-Cumpá-Zé-É-Tão-Bão-Muié-Quê-
Jurda Maridu-Í-Nadinho--Perdidu-Puriçu-Mêmu-Nói-Nú-Ispinho--Uriçu.
Dói-Não-Isterpêmu-Nesse-Sertão-Esse-Chão-Bão-Zão-Dê-Morrão-Ê-Gortão- Barxadão-Narqueli-Vajão-Nói-Prainta-Fêjão-Quir-Incanta-Ói-Ir-Tá-Barjiano. Istá-Marlelano-Canto-Á-Canto-Ná-Hoira-Dí-Rancá-Vôu Lervá-Muié-Í-Noira-Quinté-Ispanta-Í-Quano-Ucê-Ranca-Cada-Pésão--Fêjão-Barjiada-Garnadão?
Cumpá-Nardo-Cargo-Sê-Cumpá-Zé-Tem Fé-Nú-Senhô-Alem-Ú-Bão-Criadô-
Fêi-Butôna-Terrôna-Puentôna-Erêi-Tirá-Limentação-Pá-Muié-Fio Meu-Cueu.
Ú-Sê-Tamem-Cú-Seu-Bem-Rancô-Teu-Fêjão-Ílá É-Bão-Cum-Muié-Vivê-Tê-
Bão-Farzendão-Uns-Arqueri-Dí-Chão-Nói-São-Cumpridô-Dí-Dervêri-Í-Sinhô.
Tamem--Nói-Sideu-Bem-Coiêta-Dú-Fêjão-Já-Fieita-Ú-Vajão-Limpô-Eu--
Cangá-Trêi-Junta Dí-Boi-Dum Á-Vêi-Perpará-Terra-Pá-Prantiá-Arrôi-Í-Foimá?
                                                               3
Butão-Dí-Arrosá-Lá-Ná-Serra-Ê-Nú-Gortão-Vô Prantiá-Miu-Quê-Dá-Ispirgão-
Agenti-Perferiu-Tirá-Ná-Frenti--Friu-Lá-Cai Á-Tar-Jada-Vô Lervar-Boiada.
Ponho-Ná-Paiada-Dí-Noiti Eu-Sonho-É-Madugada-Í-Muié-Tá-Braçada-Cueu-
Canta--Purlero-Rêi Galo-Carlijó-Agenti Livanta-Dijero--Gritalo-Xoiroró.
Iscuitano-Seu-Bunhito-Cantá-Lavano-Meu-Carão-Eu-Oirano-Prá-São-Bindito-
Paisão-Cointenti-Dá-Mão-Pá-Genti-Disfrutá-Arlimentação-Í-Butão-Dí-Sertão?
Quí-Tem-Bica-Dáua Bem-Arlí-Ela Istica-Até-Lá-Nú-Minjolão-Ondi Á-Muié-
Vai-Dí-Pé-Nú-Chão-Lervá-Carfé-Prum-Pelão-Sai-Discascado-Cum-Prefeição.
Arlí-Áua Dispejado-Num-Bicão-Dia Í-Noiti Iscuridão-Sem-Pagá-Um-Vintem-
Vô-Falá-Pú-Sê-Ô-Vidão-Lerva Agenti-Não-É Bão-Sór-Quenti-Nú-Arião-Uai.             
Querma-Tai-Pesão-Mió-Termá-Não-Usá-Sapatão-Pá-Num-Gastá-Um-Tustão- 
Archo-Sacão-Quaji Cheião--Baxo--Teadão--Farzendão-Dá-Tá-Lucrão?
                                                               4
Prú-Bamquerão-Íui-Lá-Num-Pidí-Argum-Impresti-Í-Não-Fúi-Carba-Dá-Pesti-
Fai-Larga-Cunfursão-Pai-Vai-Batisá-Gurí-Pôi-Nomi-Juão-Vigulinu-Lampião.
Minhinu-Ôi-Quano-Quém-Matô-Ú-Pai-Í-Vai-Em-Irmaginano-Virô-Varlentão-
Juirô-Vigança-Oiô-Fundão-Matô-Pessoalão--Sertão-Não-Faquiô-Muié-Nem.
Creança-Ú-Bem-Maria-Bunhita-Dia-Dia-Sem-Fita-Amô Lampião-Inté-Morrê-
Será-Qui-Ia-Nú-Bangüê-Pá-Intérrá-Eli Cá-Muié-Cumpá-Zé-Não-Sei Pú-Chão?
Casá-Vai-Morá-Pá-Nunca Mai-Vortá-Í-Dêxa Dôi Pá-Lá-Corza Bem-Targuelá-
Nói-Temo-Deus Criadô-Norso Senhô-Pá-Nói-Deu-Sorti-Nem-Tememo-Morti.
Vamo-Porveitá-Á-Vida-Quí-Deus Qué-Cumprida-Í-Eu cú Sê-Tamo-Dê-Mairé-
Mainsa-Cun Norsa Muié-É-Á-Merma-Dança-Vamo-Lirvrá-Dá-Ferpa-Arfiada.
Pá-Nói-Não-Isterpá-Ná-Coviça-Ôião-Gordão-Artiça-Atarpaia-Bem-Sirtuação-
Ircudo-Não-Faia-Nói-Tem-Quaji Tudu-Ói-Farzendão-Ixisti-Lendão-Tão-Tristi?
                                                              5
Pá-Quêm-Tem-Muié-Bunhita-Sú-É-Corza Má-Isquisita-Nói-Tem-Fé-Nú-Jusé-
Quí-É-Ú-Santinho-Sua Farda-Goarda-Famia-Ói-Vigi-Maria-Lumei Ú-Triinho.          
-Nói-Triá-Muié-Fiinho-Norsa Mairé-Não-Cai-Fundá-Deus Paisão-Vai-Judá-
Cumpá-Nardo-Fardo-É-Cumpá--Nói-Não-Tá-Apé--Mardade-Norsa Idade.
-Fisermo-Carlidade-Ú-Quisermo-Mizade-Pertinhu-Samu-Visinhu-Bãozinhu-
Vamo-Coérmo-Filicidade-Prú-Enférno-Não Queremu-Í-Á-Norso Rêmu-Arqui?
Querlibra-Carnôa--Baxo-Í-Pá-Riba-Ôi-Í-Quí-Vida Bôa-Dí-Dôi-Farzenderão-
Bão-Preu-Ê-Pú-Seu-Sú-Vê-Carrão-Dê-Bôi-Lá-Nú-Vairandão-Á-Boiada-Tá-Lá. Nú-Pastão-Ê-Á-Vacaiada-Dá-Quele Leitão-Dí-Gurdurão-Pá-Muié-Í-Pús-Fião-
Ús-Juaquim-Jusué-Ôi Cumpá-Zé-Á-Sirtuação-Par-Mim-Tá-Lôca-Dí-Bão-Í-Pá.
Bôca-Não-Faitarar-Ê-Lá--Sê-Cumpá-Nardo-Par-Mim-Ardo-Tamem--Bão-
Cu-Sê-Tem-Eu-Tenho-Lá-Ú-Bão-Butão-Farzendão-Meu-Tá-Tinhino--Veno?
                                                              6
Tropão-Ino--Pastão--Quereno-Vacaiada-Ná-Pastage-Tá-Chuveno-Boiada-
Capadaiada-Buasôna-Gordôna-Bobage-Lartimá-Ná-Latôna-Dí-Gordurôna-Tá. Chêia-Í-Lá-Porcôna-Cria Leituada-Capada-Pá-Ôreia-Agenti-Garra-Alí-Marra-
Senti-Nú-Chão-Carca-Ú-Facão-Ná-Bichôna-Não-É-Farca-Á-Butôna-Sirtuação.
Á-Muié-Não-Bati Martaca-Cavalão--Istaca-Á-Guaidá-Repenti-Agenti-Andá-
Passiá-Em-Charrete-Ói-Nói-Não-Tem-Tár-Dú-Chervete-Nar-Mão-Ú-Tutusão?
Qué-Bão-Não-Faita-Baita-Ropão-Muié-Cumprá--Fião-Cumpá-Nardo Pú--
-Falá-Miorá-Ô-Quê-Cumpá---Ôiá-Quí-Nói-Tem-Tá-Bem-Deus É-Alem.
Pai-Siguro-Nói-Tem-Gaio-Vai-Bem-Fizemo-Furturo-Trabaio-Demo-Nú-Duro-Lubutemo-Pú-Iscuro-Arquí-Arlí-Nói-Dôi-Não-Parô-Ôi-Bão-Sinhô-Nói-Inricô?    
                                                                                                   7
Eu-Não-Sou-Um-Estudado-Meu-Tempão-Estou-Recordado-No Sertão-Já Algum-Passado-
Aqueles-Pessoais-Eles-Eram-Legais-Povoação-Não-Tiveram-Tais-Educação-Em-Instrução.   
Êi-Quem-Não-Sabia-Eu Relatei-Bem-02 Compadres, Proseando Em-Sertão-Lá-Eles, Dizia-  
Á-Frase do Jeito-Quê-Rimei Composição-Digo á Você-Eles falar Perfeito-Nada sabia Não?                 
                              FIM–ANO–2.012---ASSIM–SALVES–AMIM---“ZEZÉ”  GONÇALVES---