6 ANOS LEVANDO AS NOTÍCIAS DA TERRINHA QUERIDA

AQUI, FÁTIMA NORONHA TRAZ NOTÍCIAS DE SUA PEQUENA BRAZÓPOLIS, CIDADE DO SUL DE MINAS GERAIS.

E-MAIL DE CONTATO: fatinoronha@gmail.com

30 de setembro de 2011

27 de setembro de 2011

Ata da Vigésima Sexta Sessão Ordinária 2011

Ata da Vigésima Sexta Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Brazópolis, realizada dia 13 de Setembro de 2011, às 18h30min. Instalada, a sessão, o Senhor Presidente cumprimentou a todos os presentes e pediu ao secretário da Mesa que fizesse a chamada, antes, porém deu boas vindas à nova secretária da mesa diretora vereadora Adriana Lúcia Mendonça. Eu Adriana Lúcia Mendonça, Primeira Secretária, fiz a chamada e constatei a presença dos demais vereadores. Logo após o Senhor Presidente proferiu as seguintes palavras: “Sob a proteção de Deus e como representantes do povo brazopolense, iniciamos nossos trabalhos no legislativo”. Foi feita a leitura da Ata da Vigésima Quinta Sessão Ordinária de 2011, discutida e aprovada por unanimidade. Leitura das correspondências recebidas e expedidas: Revista notícias das Gerais, informativo da Ass. Mineira de Municípios. Carta da Assembléia Legislativa encaminhando cópia de artigo publicado no Jornal Estado de Minas sobre federalismo no Brasil. Telegrama do Ministério da Saúde, informando a Liberação de recursos para o pagamento de PAB FIXO, no valor de R$ 28.100,25, beneficiário fundo municipal de saúde, referente ao mês de agosto de 2011. Correspondência do Ministério da Educação informando a liberação de recursos financeiros, para a execução de programas do fundo municipal de educação: Alimentação Escolar – Ensino Fundamental R$ 6.054,00, PNAE Creche R$372,00, Alimentação Escolar EJA R$414,00, Alimentação Escolar Pré Escola R$ 1.716,00, PNATE R$ 23.381,09. Convite para o Encontro Regional de Orçamento Público Municipal – Dia 22/09 na Câmara Municipal em Pouso Alegre-MG. Ofício nº 0448 da Divisão Municipal de Transporte esclarecendo denuncia feita por moradora de Brazópolis à ouvidoria do Ministério Público de Minas Gerais. Ofício N°116/2011 da presidência da Câmara, solicitando a Comissão de Finanças, Orçamento e Fiscalização, prosseguimento dos valiosos trabalhos no sentido de obter informações claras e comprovadas, apuração, quanto aos fatos mencionados pelo ofício 203/2011 e todo o seu teor, que responde solicitação da referida comissão, através do requerimento N°16/2011. Ofício N° 117/2011 da presidência da Câmara solicitando ao executivo, limpeza do Rio Vargem Grande, principalmente em um trecho de 2km de extensão, que margeia a cidade, desde a propriedade de Maria José Chaves Gomes Pinheiro até a propriedade do Sr. Pedro Felipe, próximo ao “Pesqueiro JB”. A palavra ficou aberta para os vereadores colocarem seus encaminhamentos para providências: Indicação Nº 18/2011 da Comissão de Finanças, Orçamento e Fiscalização requerendo da presidência desta Casa Legislativa a realização de Audiência Pública em cumprimento ao que determina a Lei de Responsabilidade Fiscal, Lei Complementar nº 101/00, conforme redação do artigo 9º, § 4º. Indicação Nº 19/2011 da Comissão de Finanças, Orçamento e Fiscalização solicitando do Executivo as cópias dos relatórios publicados até 31 de agosto de 2011, em determinação ao Art. 24 da Lei de Diretrizes Orçamentárias de Município. Indicação Nº 20/2011 da Comissão de Finanças, Orçamento e Fiscalização solicitando que o executivo envie os relatórios de viagem referentes à

relação dos empenhos enviada a Comissão através do ofício nº 203/2011,em resposta ao Requerimento de nº 16/2011. Pedido de Providência Nº 021/2011 dos vereadores José Maurício Gonçalves e José Carlos Dias, solicitando: 1- Reitero o pedido ao setor de obras que coloque placas de sinalização de proibição na entrada do trevo de acesso à Avenida Isaac Pereira de Faria, no Bairro Vargem Grande, Saindo da BR 295, próximo ao Auto Posto La Paloma. Bem como a Correção no asfalto próximo ao trevo. 2- execução de manutenção no jardim do trevo na entrada da cidade, próximo a empresa do Sr. Silveira. Requerimento Nº 19/2011 do vereador José Carlos Dias, Solicitando do Secretário da Assistência Social, informações sobre o cadastro existente para as pessoas que aguardam para receber material de construção. Os encaminhamentos feitos pelos vereadores foram todos aprovados por unanimidade. Foi lida a proposta de Emenda a Lei Orgânica Municipal de Brazópolis que “Dá nova redação ao Art. 59.” Tendo como proponentes a Comissão de Finanças, Orçamento e Fiscalização. A sessão passou para o grande expediente. A palavra ficou aberta por ordem de solicitação; com a palavra o vereador Sérgio Machado, primeiramente parabenizou a atleta de Brazópolis Srta. Débora de Oliveira conhecida como “Debinha” que acabou de ser convocada para disputar o PAN, pela Seleção principal de Futebol Feminino. O vereador se sente orgulhoso, como todo brazopolense em ver uma filha da terra, brilhando e elevando o nome de nossa cidade. Como sugestão ele pede que seja enviado à família da atleta uma moção de felicitações, pela nova conquista na sua carreira. Outro assunto, o vereador perguntou se a Mesa enviou a sua sugestão de ofício solicitando da Secretária da Saúde, a informação de quem é responsável pelos motoristas desta área. O vereador Sérgio Machado perguntou a Mesa Diretora se havia algum secretário convocado para comparecer a casa, afim de prestar esclarecimentos. Em resposta o Sr. presidente disse que sim, sendo a secretária de saúde convocada para o dia 27 e o chefe de gabinete convocado para o dia 4 de Outubro. O vereador Sérgio Machado pede também que seja informado a todos os vereadores com antecedência sobre a vinda de ambos, para que todos possam se preparar e para que os cidadãos interessados possam, com exatidão, saberem de suas vindas. Com a palavra o Sr. presidente disse que já está marcado para o dia 27 deste mês, o comparecimento da Secretária de Saúde, Sra. Valdeti, solicitando-lhe a confirmação com 72horas antes da sessão. Com a palavra o vereador Maurício Gonçalves comentou que ele e o vereador José Carlos, estiveram no parque de exposições e encontraram lá vários pneus com água parada, o vereador pede que seja feito algo, visto que a administração tem que ser a primeira no combate ao mosquito transmissor da Dengue. O vereador falou de um pedido seu ao executivo, quanto ao estado de abando do jardim na entrada da cidade, e o que era um cartão postal, hoje passa a ser um descaso, não só lá, mas também em outros jardins e praças que necessitam de cuidados. Lembrou que falou na reunião passada sobre o lixo que se acumula no bairro Teodoros, pois o mesmo ainda continua lá e aumentando cada vez mais. O vereador pede uma atenção a esses pedidos. Com a palavra o vereador José Carlos Dias também falou da convocação da Atleta Débora Oliveira, ressaltando a nossa alegria pelo sucesso na carreira da atleta e reforçou o pedido para que a Mesa envie à família da Debinha uma moção de congratulações. O vereador José Carlos comunicou ao plenário que a Comissão Especial nomeada para dar parecer ao projeto de Lei nº 026/2005, que institui o novo estatuto dos servidores municipais, concluiu seu trabalho e entregou à presidência o projeto com as 33 emendas aprovadas pela Comissão. Esclareceu que as emendas e o projeto de lei serão publicados na página eletrônica da Câmara para o acesso de todos os interessados. José Carlos também falou da visita que fez, juntamente com o vereador Maurício Gonçalves ao parque de exposições e dos pneus e restos de retalhos de tecido que estão no local, pedindo que o Executivo mande limpar o local. Falou ainda do grande espaço do Parque de exposições, que está dividido em três áreas e que tanto os vereadores quanto o Prefeito precisam buscar formas de valorizar esses espaços, pois o nosso Parque de Exposições é pouco utilizado e merece ser revitalizado, mesmo que seja com um projeto em médio prazo. O vereador comentou da mudança da atitude dos motoristas que, segundo alguns usuários informaram, já estão tratando os pacientes e acompanhantes com muita educação e atenção. Afirmou que está feliz de perceber que as providências foram tomadas pelos responsáveis e a população está sendo melhor atendida. Com a palavra o vereador Péricles falou que na semana passa foi comentado sobre a morte do Sr. Lucio que morreu infartado, a família disse que ele ficou aqui no hospital recendo os cuidados, e que aqui havia, sim, ambulância para locomoção, mas não havia vaga na UTI em hospital nenhum na região por isso ele não pode ser levado. Isso não é problema só aqui em Brazópolis, mas em todo lugar, não existem leitos de UTI para tamanha demanda. Outro assunto abordado pelo vereador foi que, um motorista lhe informou que o ele tem andado com ônibus que está necessitando de manutenção, e que o seu maior medo é ser pego numa fiscalização e perder pontos na sua carteira, ficando impossibilitado de prestar concurso em outros lugares. O vereador comentou sobre um modelo de fiscalização em São Paulo em que a policia faz um chamado “pente fino” olhando por completo o estado e manutenção do veículo para depois liberá-lo para a circulação. Talvez a solução aqui seja esta, arrumar uma forma em que a policia faça de forma imparcial esta fiscalização dos ônibus e veículos da frota municipal e depois emita um laudo, assegurando a condição perfeita dos veículos e ônibus, para o transporte dos alunos e cidadãos que necessitam de sua utilização. O vereador falou também de nota no jornal que o PIB nosso é de 3,6 trilhões de reais, nos destinamos a saúde 77 bilhões, quantia essa muito pequena em relação a demanda necessária. Com a palavra o vereador Lucimilton Faria Carneiro, disse que em conversa com um amigo do distrito de Estação Dias, o mesmo comentou sobre os funcionários da escola municipal que não estão cumprindo a carga horária devida, uns chegam atrasados e outros saem mais cedo, e o ponto esta sendo assinado com 6 horas trabalhadas. O vereador disse que irá enviar um ofício a Sr. Ligia, Secretária de Educação solicitando a averiguação da veracidade da denuncia. O vereador também comentou que esteve no gabinete do prefeito juntamente com os vereadores Sérgio Machado e o vereador Neto, recebendo o Sr. Lafaiete uns dos proprietários da ALTEC, que lhe informou que está tudo certo caminhando para a vinda da Empresa para Brazópolis. Na ocasião o prefeito levou-o para conhecer o terreno no “Goiabal” onde será feito o distrito industrial, o Sr. Lafaiete, gostou muito do que viu e disse pretende até fazer uma permuta com seu terreno para garantir um terreno nessa área. Outra noticia é que o Sr. Yutaka, Diretor da Itaim luminárias virá esta semana fazer uma visita a cidade e conhecer o local, para breve estar se instalando aqui também. Com a palavra o Sr. presidente perguntou ao vereador Lucimilton se a visita do Sr. Lafaiete foi feita esta semana, e disse que fica muito contente que tudo está dando certo, pois desde o final do mandato do prefeito João Mauro ele vem trabalhando e ajudando na vinda da ALTEC para a nossa cidade. Lembrou também da empresa NTK de Paraisópolis, que tentou se instalar em Brazópolis e que ele mesmo estava negociando esta vinda, mas por força maior ou até mesmo desinteresse por parte do prefeito, a sua vinda ficou impossibilitada. Outro assunto abordado pelo Sr. presidente no assunto “Saúde” foi reforçar o que já fora dito em sessão passada, que é a cobrança que precisa ser feita nos deputados para que possamos conseguir uma ambulância equipada para dar suporte no transportes de usuários do setor de saúde. O Sr. presidente falou que ouviu dizer, que o vive-prefeito foi transportado por uma ambulância de outro município da região. Consultou também o plenário sobre enviar uma moção de pesar para a família do Sr. Lúcio. O Sr. presidente informou os vereadores que em breve estará marcando um encontro, com os diretores do CEAM e todos os interessados, para acertar um plano de saúde simplificado que favorecerá o servidor público municipal; e se tudo der certo será feito uma reunião com os servidores em uma segunda etapa. Com a palavra o vereador Péricles Pinheiro, disse que fica muito contente com a vinda das indústrias para Brazópolis, e que o primeiro pedido feito com vereador, foi para a aquisição do terreno Goiabal, onde será instalado o distrito Industrial. O vereador lembrou que existem três Leis que falam sobre a implantação de industrias e que cada uma fala uma “coisa”, o vereador pede para uma atenção do assessor jurídico da prefeitura, Sr. Guilherme, para que estude melhor as três leis, e que de repente possa virar uma só, e não atrapalhe nem vire empecilho na hora em que as industrias estiverem se instalando. O vereador Péricles lembrou também que o Deputado Dalmo Ribeiro, prometeu arrumar verbas a fundo perdido para a estrutura, quando já estivesse implantado o distrito industrial, e agora o prefeito tem que correr atrás pois a prefeitura já tem o terreno e a hora é essa. Com a palavra o Sr presidente, a respeito das três Leis vigentes, disse que irá consultar o jurídico, mas entende que a ultima Lei sancionada que foi propositada aqui pelo legislativo, ela revoga as outras duas anteriores, mas como a dúvida ainda permanece, ele irá consultar o IBAM e também a AMASP. Com a palavra o vereador José Carlos disse que, a respeito da cláusula citada pelo Presidente que toda lei revoga as disposições em contrário. É bom esclarecer que essa redação somente revoga outra disposição legal que seja contrária à lei, não revoga outra lei. As outras leis estarão vigentes, nas disposições que não sejam contrárias a lei publicada. O vereador parabenizou os cidadãos presentes no auditório pela participação, dizendo que é muito bom contar com o povo. Sobre a questão das verbas da saúde a própria presidente Dilma citou que a Argentina aplica na saúde 4 vezes mais que o Brasil. Mas que bom que nós passamos por esse momento de reflexão e temos oportunidade de melhorar o nosso sistema de saúde. O vereador comentou ainda a resposta do ofício do Sr. Robinson referente à denúncia de irregularidade no transporte da saúde e alertou quanto à falta de objetividade da resposta que apenas alegou que a frota de veículo é usada, mas está em bom estado de conservação. Negou as denúncias e cuidou, lamentavelmente, de desqualificar a denunciante, afirmando que tudo é mentira. Segundo o vereador a resposta não apresentou detalhes técnicos de apuração da denúncia e que, em relação a pessoa denunciante, o vereador acredita que certamente o que motivou a denúncia foi a experiência ruim que ela viveu quando precisou dos serviços de saúde e que, para que essa pessoa tivesse coragem de denunciar, seguramente os fatos tem um fundamento de verdade e não basta fazer discurso político negando as denúncias, precisamos cobrar que o caso seja apurado com rigor pelo responsáveis e as soluções sejam técnicas e definitivas. O vereador pediu que cópia da resposta fosse encaminhada a Comissão de Finanças para análise. Sobre a questão das verbas da saúde a própria presidente Dilma, se mostra contrária a CPMF, mas temos que reconhecer que a saúde precisa de mais recursos. Com a palavra o vereador Péricles, a respeito da denuncia, ele acha que não foi à mesma pessoa que ligou aqui para a Câmara, atrás de um vereador que intercedesse para conseguir um carro que a levasse para Poços de Caldas, fazer uma cirurgia. O vereador relatou o ocorrido em que ele teve que interceder para que a pessoa conseguisse o carro. O vereador acha que o sistema não pode funcionar desta maneira, em que uma pessoa que está necessitando tenha que correr atrás de vereador para conseguir um transporte. Nestes casos o vereador acha que não tendo condução, tem que arrumar medidas paliativas, ou paga um taxi ou paga-se o combustível. Por isso que é fundamental a vinda da secretária aqui esclarecer como funciona esta, e outras questões. Com a palavra o vereador Sérgio Machado disse que concorda com o vereador Péricles, mas na economia do município, como o Secretário José Luiz já explicou uma vez através de vídeo do Pacto Federativo, onde há uma desproporcionalidade muito grande na vinda dos recursos para o município, pois 70% ficam para a União, 20% para o Estado e apenas 8 à 10% vem para o município, e isso é muito pouco. E em sua opinião é ai que gera maior corrupção. Em relação a fala do vereador José Carlos, a respeito da CPMF, o vereador Sérgio Machado, confessou não ter votado na presidenta Dilma, mas está surpreendendo positivamente, com a sua sinceridade e honestidade, aproveitando a entrevista que ela concedeu dizendo que não haverá a volta da CPMF; o vereador ilustrou dizendo que viu uma charge na Folha de São Paulo que mostra um aposentado dizendo que “não precisa colocar a CPMF não, que ele já tem a solução! basta colocar imposto sobre a corrupção.” Assim sobraria mais dinheiro para saúde e educação. O vereador ainda comentou sobre o que leu na Revista Veja que quem coordena as ações ainda é o José Dirceu e que os ministros fazem reunião, primeiro com a presidente Dilma e depois vão se encontrar num hotel com o ex-ministro José Dirceu. Concluiu. Com a palavra o vereador José Carlos ressaltou o cuidado que devemos ter ao ler uma notícia em jornais e revistas, especialmente porque sempre existe uma intenção atrás do discurso e que alguns setores da mídia se preocupam em demonizar a classe política, pois somente o político é acusado nas reportagens. Mas nós sabemos que o político corrupto não rouba sozinho, ele recebe ajuda de empresários desonestos e de servidores que não cumprem com zelo seus deveres. Não estou aqui defendendo ninguém, o que é bom lembrar é que a lei não permite condenar ninguém sem um julgamento com direito de defesa. A intenção clara que alguns meios de comunicação têm de fazer parecer para a população que os políticos são desonestos é uma ferramenta de defesa de interesses de grupos que querem controlar o poder. Eu pergunto aos colegas vereadores se já ouviram notícias falando sobre políticos que fazem um trabalho muito bom no seu mandato? Eu não vejo essas notícias, mas sei que existem muitos políticos que dão sua vida no trabalho para termos um Brasil melhor. Essa é a reflexão que queria deixar registrada. Não havendo mais nada a tratar, o presidente declarou encerrada a sessão e convocou a todos para a próxima sessão ordinária do dia 20 de Setembro às 18h30min. Desejou ainda uma boa noite, uma boa semana e que Deus os acompanhe. Dando como encerrados os trabalhos daquela sessão, eu Adriana Lúcia Mendonça, Secretária da Mesa Diretora, lavrei a presente Ata, que após lida, e, se aprovada, será assinada por mim e por todos os Edis presentes.

CANTOR ALDO CUSTO NO CLUBE WENCESLAU BRAZ EM BRAZÓPOLIS - DIA 08 DE OUTUBRO

BRAZ FANTASY 3 -1º LOTE INGRESSOS ESGOTANDO

PROJETO CAMPO LIMPO - 29 DE SETEMBRO

ENCONTREI NA NET !!!?

(...)
Tenho muitas perguntas, mas farei apenas uma. Não quero saber por que fazenda hotel e não hotel fazenda ou o que é um enduro a pé. Acho mais importante saber se Brasópolis está escrito com Z de propósito.

Brazópolis é a mesma cidade que Brasópolis? Especulei muito a respeito. Uma das respostas que encontrei é que a organização quer incentivar o turismo internacional. E faz bem, o eco-turismo cresce no mundo todo e já se cogita caminhadas na mata como esporte olímpico. Logo, se é pra inglês ver, que se aproxime deles: se Brasil é Brazil, Brasópolis fica Brazopolis. Simples. O que me incomoda é que no cartaz tá com Z e acentuado. E todo mundo sabe que inglês tem medo de acentuação e cedilha. Hipótese descartada.

Vamos pensar junto: seria a briga entre o Z e o S comum na cidade? Espero que isso não cause tanta confusão quanto eu calculo. A briga é tão infundada que até eu, um sem cultura qualquer, posso desprezar. A letra S assume diversas formas em nossa biblioteca fonética, e a regra diz que quando encontrada entre vogais deve ser pronunciada com o som de Z. Palavras como casa, brasa, análise (sempre erro cara, não faz tem idéia) e, pasmem, Brasil.
Tudo bem, podes me dizer que Brasópolis é nome próprio, e se escreve como bem entender. Aceito, mas à raiz. Brasópolis seria Brasil (nossa pátria amada) + polis (cidade), então o S brasileiro deve ser mantido. E a culpa não é minha não, a culpa é do pau. Os europeus extraiam a madeira e coziam ela em fornalhas para capturar um pigmento que se desprendia da madeira. Essa solução servia como um caldo avermelhado, usado para revestimentos e tinta. Acabou pau brasil pela cor brasa, com letra minúscula e S.

(...)
Identificar como feio ou bonito não deve confrontar, em nenhum momento, a sua emoção ao ouvir os primeiros acordes do hino composto por Waldemar Mendonça e cantar aguerridamente “Todos cantam sua terra / Vamos pois cantar também / A nossa, que bem parece / O Presépio de Belém” como forma de declarar amor a tua casa.

Espero que não me julgue pela cidade onde eu vivo, ou pelos símbolos dela. Afinal, seria muito fácil ganhar a discusão enquanto o refrão de vosso hino continuar sendo “Brasópolis / terra querida / Cidadezinha de luz /
Brasópolis, miniatura / Da terra de Santa Cruz”.

Fonte: http://www.insanus.org/menezes/archives/012641.html

Duas amigas que partiram: Ir. Terezinha e Aparecida Cavichi

Faleceu, na semana passada, em São José dos Campos,  a brazopolense tão querida, Aparecida Cavichi. D. Aparecida foi professora em Brazópolis por muitos anos, mudando-se  para São José dos Campos.
Quando por lá morei, estive muitas vezes em sua casa, onde era recebida com muito carinho e sempre convidada a saborear um almoço gostoso.

D. Aparecida, havia perdido, há dois meses sua irmã, freira Ir.Terezinha,  tão querida, que tive também o privilégio de conviver, quando morava em São Paulo e ela era Diretora do Colégio Pe. Moye. Ir. Terezinha foi uma das pessoas que mais me deu forças quando sentia saudades de minha terrinha.

À família consternada, deixo meu abraço, minha solidariedade e meus sentimentos de muito pezar.

Tenho certeza que o céu ficou mais alegre e bondoso com a chegada de vocês duas, minhas queridas amigas.
Olhem por nós.
Sentiremos muito a falta de vocês!

"CANTINHO DO SOSSEGO" : Alegria e diversão!













FOTOS ELIANA RENÓ E FÁTIMA NORONHA

Ave Maria - Coral "Vozes de Euterpe" de Brazópolis

SÁBADO: SARAU DO GRUPO "SERESTEIROS AO LUAR"

26 de setembro de 2011

VEM AÍ: BRAZ FANTASY 3 - 15 DE OUTUBRO

VEM AÍ: 10º TLC de Brazópolis

Pessoal,
já iniciamos os nossos trabalhos para o 10º TLC de Brazópolis, o qual será realizado no Salão Paroquial de Brazópolis nos dias 11, 12 e 13 de novembro.

Quem já fez TLC e gostaria de nos ajudar, por favor, entre em contato conosco.

Para aqueles que gostariam de fazer o TLC, por favor, procurem alguém que já o fez e peçam para serem apresentados como candidatos ou entre em contato conosco.

Aguardamos o retorno de vocês!

A paz de Jesus! Sempre + alto!

Para realizar a inscrição do TLC, CLIQUE AQUI e preencha o formulário!

http://grupodejovensphn.wordpress.com/

AGRADECIMENTO - Eliane Noronha





Anjos existem e estão tão próximos de nós , mas a correria do dia a dia faz com que os mesmos passem despercebidos até o momento que Deus, em sua infinita bondade, faz com que precisamos parar e ver que anjos não precisam de asas.

Citá-los não nos convém, para não sermos injustos com muitos que surgiram e ainda vão surgir em nossas vidas.

A cada um de vocês que estão em oração ou em pensamento junto com a gente no momento em que a batalha está apenas começando, só podemos dizer que “Deus lhes paguem!”

A batalha vai ser vencida ,graças aos anjos de nossas vidas!!!

(Eliane Noronha)

NASCEU CAMILA!

 A linda Camila chegou no dia 20 de setembro!
Filha de Daniela Noronha e Leonardo Zampieri. Fábio está muito muito feliz e cheio de cuidados com a irmãzinha.
Camila é a mais nova netinha de Vera e do saudoso professor Sílvio Noronha.
Parabéns ao Fábio, aos pais e avós.


Seja Bem vinda, Camila! Que você cresça muito feliz e tenha muita saúde!




24 de setembro de 2011

O "Cantinho do Sossego" não é mais aquele...

 Para maior comodidade de seus fregueses, o "Cantinho do Sossego" mudou-se para um ambiente mais amplo e mais aconchegante.
Toninho e Selma, convidam a todos para conhecerem o novo "Cantinho" que agora fica no Calçadão.
Além das delícias, já tradicionais, serão servidos também almoços, que serão entregues à domicílio.
Toninho e Selma agora contam com a parceria do Luigi Vizotto.

Aos amigos Toninho, Selma e Luigi, desejo muito sucesso nesta nova enpreitada!





23 de setembro de 2011

O evento "Portas abertas" do Observatório do Pico dos Dias tem início neste 1º de outubro.

Neste sábado, 1º de Outubro, começa o evento “Portas Abertas”, no Observatório do Pico dos Dias em Brazópolis. Este evento faz parte da “VIII Semana Nacional de Ciências e Tecnologia”. As visitas têm início às 14h, se encerrando às 22h, porém os portões serão fechados às 20h.

A VIII Semana Nacional de Ciência e Tecnologia cujo tema será “Mudanças Climáticas, desastres naturais e prevenção de risco”, tem como finalidade mobilizar a população, em especial crianças e jovens, em torno de temas e atividades de ciência e tecnologia.


Para agendar sua visita, solicite informações na secretaria de turismo da Prefeitura de Brazópolis:
(35) 3641-1373

Revivendo Festivais - Amanhã - Última Apresentação

3º Encontro de Pilotos de Parapente em Brasópolis - MG

22 de setembro de 2011

QUEM É?

SE EU NÃO TIVESSE FILHO... - Renato Lõbo

Se eu não tivesse filho, nunca saberia o quê acontece quando o pequeno ser abaixa pela primeira vez no planeta e entra pela porta da casa e a gente não faz a menor ideia do que fazer com aquele pacote surpresa. Quem não tem filho...


Se eu não tivesse filho, jamais entenderia o que significa trocar fraldas, e amarrar a chupeta no cordão da outra, e amar aquele cheiro de banho tomado tanto quanto o que foi o cheiro do cocô, e esperar na antessala do médico antes do exame do pesinho, e ficar ali, momento a momento, lambendo a cria, como quem espera a jabuticabeira crescer. Quem nunca plantou jabuticabeira...


Se eu não tivesse filho, quando é que iria saber o que era passar a noite inteira do lado de um pequeno ser adoecido, medindo cada grau de febre, com medo de não saber o que fazer naquela hora? Pra quem não tem é mais fácil, mas...


Se eu não tivesse filho, como iria perceber o que é certo ou errado e, sobretudo, quando iria me dar conta de que certo e errado são linhas transversais imaginárias onde a gente esbarra a vida inteira e se machuca, nelas, como mosca presa em copo de vidro, por medo de viver? Quem nunca se arriscou a ter filho, como se arriscaria a viver?


Se eu não tivesse filho, não morreria de medo quando ouvisse notícias de barbaridades cometidas contra crianças, como a dos nazistas, que as jogavam vivas nos fornos crematórios só para ouvir os gritos. Se não tivesse filho, talvez, seria sensível só o bastante pra justificar a vergonha diante do que a espécie humana é capaz. Mas só isso...


Se eu não tivesse filho, não morreria de amor a cada palavra nova aprendida, a cada entonação diferente da mesma palavra tantas vezes dita, a cada jeito de se pronunciar “papai”, como se fosse sempre a primeira vez. Quem não tem, ah, então, tsss...


Se eu não tivesse filho, não caberia em mim de orgulho quando visse a cria se apresentando na mostra cultural da escola, naquele teatro mambembe com a professora de “ponto”, ou declamando aquele soneto com sono ou cantando naquele coral (improvisado, tá!) uma melodia em qualquer massacrada língua estrangeira (porque é chic, tá!). Quem não tem... Quanta coisa perde, quem não tem!


Se eu não tivesse filho, não teria vizinhos pra brigar. É. A gente só descobre vizinho inoportuno quando a cria da gente (que só é suportável pra gente) descobre a cria insuportável do vizinho inoportuno. Quem não tem filho, escapa de ter de abanar a mão pro vizinho chato. Algum ganho existe, vá lá!


Se eu não tivesse filho, não saberia o preço de material escolar, mas também desconheceria a delícia de ir atrás daquela lista e de voltar aos tempos bons do lápis de cor, giz de cera, esquadro e transferidor, livro novo, caderno encapado e aquele cheiro delicioso de escola que tudo isso tem. Porque isso é muito bom! E quem não tem, não tem.


Se eu não tivesse filho, de quantas primeiras maravilhosas oportunidades seria privado: o primeiro dente, o primeiro tombo, o primeiro corte, o primeiro esporte, a primeira escola, o primeiro ano, o primeiro diploma, a primeira comunhão, a primeira namorada, o primeiro tudo, o primeiro nada, a primeira decepção, a primeira vez que chorou por alguém, a primeira vez que fez alguém chorar, a primeira vez que eu o fiz chorar, a primeira vez que ele me fez chorar, o primeiro medo dele em me perder e meu primeiro, de perdê-lo, e assim por diante... todas as primeiras vezes inaugurais de um grande amor, desses, que só tem primeira vez, sempre. Quem não tem, fica pobre de muita primeira vez.


Se eu não tivesse filho, não estaria aqui escrevendo isso, pela simples razão de não saber o que escrever.


Se você não tivesse filho, talvez, não estaria lendo isso, pela simples razão de não saber o que ler.


Eu não tenho filhos, tenho só um, e já reputo isso de uma pobreza sem tamanho. Calcule se não tivesse nem um, nem que fosse um só. Seria de uma indigência somaliana, como a daquele país da África, em sua escancarada, insensata e despudorada miséria de tudo.

Ata da Vigésima Quinta Sessão Ordinária 2011

Ata da Vigésima Quinta Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Brazópolis, realizada dia 06 de Setembro de 2011, às 18h30min. Instalada, a sessão, o Senhor Presidente cumprimentou a todos os presentes e pediu ao secretário da Mesa que fizesse a chamada. Eu José Maurício Gonçalves, Primeiro Secretário, fiz a chamada e constatei a presença dos demais vereadores. Logo após o Senhor Presidente proferiu as seguintes palavras: “Sob a proteção de Deus e como representantes do povo brazopolense, iniciamos nossos trabalhos no legislativo”. Foi feita a leitura da Ata da Vigésima Quarta Sessão Ordinária de 2011, discutida e aprovada por unanimidade. Leitura das correspondências recebidas e expedidas: Ofício Nº 207/2011 do Gabinete do Prefeito em resposta ao convite para o Chefe de Gabinete vir prestar esclarecimentos nesta Casa dia 06 de Setembro, solicitando envio prévio das perguntas bem como declarar e delimitar a matéria a ser tratada. Carta do Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais enviando em anexo Processo nº 734593 para a aprovação de contas do Executivo, exercício 2006. Ofício n º 205/2011 do Gabinete do Prefeito em resposta ao Ofício 142/2011, com parecer da divisão de engenharia e projetos para a construção da rampa de acesso a cadeirante, informando que é necessário seguir a Norma Brasileira “ABNT 9050”. Que trata da acessibilidade a edificações, imobiliários, espaços e equipamentos urbanos. Convite do Deputado Dalmo Ribeiro para a 2ª Conferencia Regional da Juventude do Sul de Minas, etapa regional em ouro fino dia 19 de setembro, a partir das 08h30min. Convite para o XXV Congresso Brasileiro de Direito Administrativo de 18 a 21 de outubro em Salvador BA. A palavra ficou aberta para os vereadores colocarem seus encaminhamentos para providencias: Pedido de Providência Nº 16/2011 do vereador Danilo Pereira Rosa, solicitando 1- Que o Exmo. Sr. Prefeito envie a companhia energética de Minas Gerais (CEMIG) um ofício pedindo informações sobre as frequentes faltas de energias nos horários das 17h as 19hs no Distrito de Luminosa. 2- Solicita que seja colocado redutores de velocidades na Av. Emília Torres Gonzaga; visto que no local há grande perigo acidentes e atropelamentos. Medida de Providência Nº16 e 17/2011 do vereador presidente: Sérgio Fernandes dos Reis solicitando: 1- Reitera ao Exmo Sr. Prefeito, solicitação já aprovada em plenário em 19/10/2010; o procedimento de estudo para viabilização da criação de uma nova reestruturação de cargos e salários, propositando melhor classificação funcional e valorização específica dos cargos; se não a implantação do plano de carreira para o servidor municipal. 2- Reitera reparos necessários, numa pequena área de calçamento de paralelepípedos na Avenida Nossa Senhora Aparecida, próximo ao aquário da praça Wenceslau Braz (Rodoviária). 3 - Solicito reparos necessários em duas pontes pequenas existentes na estrada secundária da Parada do Mendonça, próximo ao Sr. Geraldo do Nico, bem como o patrolamento da mesma, Bairro Prainha. 4- Reitero ao Exmo Sr. Prefeito, providências quanto a criação de uma área recreativa para a comunidade do Bairro Alvorada, principalmente no sentido da prática de esportes para crianças e jovens do local e região. Como sugestão, uma prevista para área verde, próximo a propriedade do Sr. Sebastião Serpa. 5- Reitero providências quanto a continuidade da confecção da galeria do Córrego Tijuco Preto. Trecho parte superior da Travessa Neco Veloso. 6- Reitero providências quanto à instalação de poste com luminária na Travessa José Manuel da Silva Filho, próximo ao Nº37, propriedade do Sr. Eugênio Noronha no Bairro Alvorada. Trecho compreendido da Trv. Maria Senhorinha com a Travessa Neco Veloso. Pedido de Providência Nº 19/2011 e Indicação Nº03/2011 dos vereadores José Mauricio Gonçalves, Danilo Pereira Rosa e José Carlos Dias solicitando que o Setor de Obras execute manutenção em toda sua extensão na estrada que liga Brazópolis/ Bairro Alegre de Cima, bem como manutenção na estrada que dá acesso a comunidade das Posses, que se inicia próximo a escola do Bairro Alegre de Baixo. Indicação Nº3 solicitando que envie ao Exmo Sr. Prefeito Municipal, minuta de um Projeto de Lei que “institui o colegiado escolar na Rede Municipal de Educação do Município de Brazópolis.” Os encaminhamentos feitos pelos vereadores foram todos aprovados por unanimidade. O Sr. presidente leu o parecer do assessor jurídico desta casa em resposta ao oficio n°104/2011, formulado pelo Sr. Prefeito com relação ao Chefe de Gabinete, dizendo em resumo que o executivo foi levado por sua assessoria a equivoco, pois o ofício enviado ao executivo em momento algum fala de convocação, e sim convite; e que cabe agora à Câmara, se for o caso e se necessário, fazer a convocação na forma do Art. 189 parágrafo 2° do regimento interno. O Sr. presidente fez a leitura do projeto de Lei de N° 20 “que Altera a Lei Municipal N°952/2011 e da outras providências” leu-se também os pareceres favoráveis da Assessoria Jurídica, da comissão de Legislação, Justiça e Redação bem como da comissão de Finanças, Orçamento e Fiscalização. O Sr. presidente colocou o seguinte projeto de lei em discussão, com a palavra o vereador Lucimilton Faria Carneiro, pediu que fosse lido a justificativa do projeto para um melhor entendimento de todos. Em atenção o Sr. presidente fez a leitura da justificativa do projeto de lei n°20 e em seguida o mesmo foi levado a primeira votação e segunda votação sendo aprovado por unanimidade; que seguirá para as providências do canal competente. O Sr. presidente informou a todos que o projeto de lei de n°19 que trata do assunto dos taxistas, foi enviado na semana passada para a comissão de Legislação, Justiça e Redação e que hoje está apresentando um parecer, que soma, com o da assessoria jurídica desta casa, em que aponta a inconstitucionalidade da matéria, e informa que o mesmo será devolvido ao executivo para que seja corrigida ou arquivada. Antes de passar o período do grande expediente, o Sr. presidente consultou os nobres vereadores sobre o pedido de convocação da Secretária Municipal de Saúde que deverá comparecer a tribuna desta casa para esclarecer duvidas a respeito da área de saúde. E quanto ao chefe de gabinete, esclareceu que será encaminhado uma resposta ao executivo e na próxima sessão será colocado o pedido para a sua convocação. Os vereadores foram unânimes na colocação e aprovação. A sessão passou para o grande expediente. A palavra ficou aberta por ordem de solicitação; antes o Sr. presidente informou a todos de sua visita feita ao vice prefeito Sr. Amauri Noronha que passa por um tratamento de saúde, o mesmo agradeceu as orações de todos os vereadores e disse que em breve virá agradecer pessoalmente. Com a palavra o vereador Péricles Pinheiro a respeito do ofício sobre a rampa de acesso que foi respondido, disse que não condiz com a interpretação que deve ser dada sobre o ponto de vista técnico da locação da mesma. Na mesma ladeira, Santos Lima, na mesma calçada há uma rampa vistoriada pelo executivo, que não segue a norma da ABNT 9050. Sobre a presença do Sr. Haroldo nesta Casa, é imprescindível para dar explicações a respeito dos trevos, das reformas das escolas e de assuntos inerentes de sua responsabilidade, como chefe de gabinete. O vereador falou também sobre os boatos da mudança da rodoviária, ele acha que é um desrespeito com a população, pelo fato de não ter sido consultada e é ela quem mais utiliza este tipo de serviço. O vereador particularmente é contra e diz que a descentralização deste tipo de serviço, saindo do lugar onde se encontra dificultará a vida dos munícipes, que perigosamente, terão que atravessar uma rodovia pra poder embarcar, além da distância que ficará maior. “É bom lembrar que a cidade não conta com os serviços de transporte urbano; ainda o nosso município carece de recursos financeiros para dar suporte à saúde, à assistência e ao transporte municipal.” Concluiu. Com a palavra o Sr. presidente questionou de uma aprovação que passou pela câmara sobre o corte dos eucaliptos para a construção de moradias populares, e também o empréstimo financeiro para a aquisição de máquina patrol. O Sr. presidente perguntou se algum vereador saberia informar sobre estes assuntos, pois o prefeito pediu urgência para a aprovação do projeto na época. Outro assunto abordado pelo presidente foi sobre a morte do Sr. Lúcio, que passou a noite enfartando e morreu no hospital daqui. “(...) Sabemos que é inviável ter uma UTI pelo porte de nossa cidade, mas temos que solicitar aos nossos deputados uma ajuda para conseguir uma ambulância equipada que possa dar condições no transporte para salvar a vida dos nossos pacientes(....)” . Com a palavra o vereador José Carlos, leu a resposta do prefeito para a comissão de finanças sobre o pedido dos valores dos gastos com viagens do prefeito nos anos de 2009, 2010 e 2011. Na resposta o Executivo enviou, além dos gastos do seu governo, os valores gastos no governo do Ex. Prefeito João Mauro, fazendo uma comparação entre os valores, colocando que no seu governo os gastos com viagens foram muito menores e alegando que isso mostra o quanto seu governo faz economia neste aspecto. Comentado a resposta do Prefeito o Vereador José Carlos mostrou sua visão dessa dita “economia”, pois o Município vem perdendo recursos de convênios ao longo do governo atual, sendo que valores significativos para a população como os recursos do calçamento do Can Can, do calçamento do São Francisco, da reforma do laboratório, da aquisição dos ônibus novos foram descartados ou pedidos pelo Prefeito, numa clara realidade que mostra que faltou empenho do Prefeito em viajar mais vezes para Brasília e Belo Horizonte atrás desses projetos. Não basta comparar os gastos, é muito importante ver a qualidade destes gastos. O vereador disse que a comissão vai pedir todos os relatórios das viagens para avaliar caso a caso. Com a palavra o Sr. presidente disse que é pertinente para a comissão pedir todos os empenho e notas, com datas das viagens, local e motivos de tais, para um levantamento mais aprofundado. Novamente pedindo a palavra o vereador José Carlos informou que, através do Ex. prefeito João Mauro, conseguiu a lista completa do programa Luz Para Todos, enviada pelo Agente Responsável na região Sr. Reginaldo do Nascimento. Explicou que a lista tem 443 nomes e trás informações sobre a situação do beneficiário, se já está contemplado e, se ainda não foi atendido, qual o motivo do não atendimento. Disse que a lista ficará publicada do mural da Câmara para que todo o cidadão tenha acesso. Na Lista consta o telefone e o endereço de correio eletrônico do Sr. Reginaldo. José Carlos falou ainda da minuta do projeto de Lei para a criação do Colegiado nas escolas municipais encaminhada ao Prefeito e disse que essa medida vai democratizar a gestão nas escolas e que as escolas da Rede Estadual já contam com esse instrumento que funciona muito bem. O vereador lembrou do “Dia da Pátria”, fazendo referência aos trabalhadores de todas áreas que constroem essa pátria no dia a dia de trabalho e completou afirmando que comemorar esse dia é saber que nós somos a pátria, quando nos dedicamos, verdadeiramente, cada uma em sua profissão, atuando de forma sempre a construir uma nação melhor de se viver. Com a palavra o Sr. presidente disse que pretende se inteirar melhor sobre tudo que envolve as construções de casas populares, e também dos recursos vindos das secretarias para este fim. Ele disse ainda que têm ouvido meias denuncias sobre o modo de ajuda a famílias, que em tese tem renda per capta maior que outras que necessitam de moradia. O Sr. presidente disse ainda que, nessa interação se for necessário maior esclarecimento, convidará o Chefe de Assistência Social, Sr. Aldo para comparecer e explicar como isso funciona e quais critérios são aplicados. Com a palavra a vereadora Adriana Lúcia Mendonça questionou sobre a reforma da Câmara, neste período de recesso, a vereadora recebeu um telefonema do vereador Péricles, dizendo que a obras não iria mais acontecer, devido a devolução do duodécimo para a compra do terreno denominado “Goiabal” pelo executivo. Em conversa com os vereadores Sérgio Machado e Lucimilton, ambos disseram que será feita a reforma. A vereadora ficou na dúvida e indagou o vereador Péricles. Comentou ainda se, com a possível mudança da rodoviária, não seria prudente adiarmos esta reforma e solicitarmos do prefeito o projeto, pois quem sabe, poderíamos utilizar a parte de baixo do prédio. Com a palavra o Sr. Presidente disse que a reforma deste prédio se faz necessária, visto o aperto da secretária, a mudança do banheiro e a importância de termos uma sala reservada, para reuniões das comissões permanentes desta Casa. Agora quanto à mudança da rodoviária não vê necessidade de mais um gasto, e que a priori, existem várias obras inacabadas pelo município e também a manutenção nos setores da saúde, educação e moradia. Com a palavra o vereador Péricles explicou que já foi contratado, através de licitação, o engenheiro Carlos Ernani, para a fiscalização da obra; e que está se respeitando os prazos legais da licitação para a contratação da empresa responsável pela reforma e ampliação do prédio. A vereadora Adriana perguntou por que o vereador disse no recesso que não se faria mais a reforma. Em resposta o vereador Péricles disse que no recesso a Câmara tinha dinheiro em caixa que seria destinado a reforma, porém o executivo solicitou esse montante para pagar a desapropriação do “Goiabal”; e isso no momento seria mais importante para o município, postergando assim a reforma da Câmara. Então realizaremos a reforma gradativamente de maneira que não comprometa o orçamento. Com a palavra o José Carlos disse que gostaria que fosse encaminhada uma consulta a assessoria jurídica desta casa sobre a legalidade das desapropriações feitas pelo executivo sem aprovação dos vereadores, visto que a lei orgânica diz que a aquisição de bens imóveis deve ser autorizada pelo legislativo. Com a palavra o Sr. presidente disse que o regimento interno mostra que a maioria plena pode barrar qualquer negociação ou aquisição quando for indevida, e que irá solicitar um melhor estudo sobre o assunto por parte da Assessoria Jurídica da Casa. Com a palavra o vereador José Maurício Gonçalves fez um lembrete ao executivo para recolher o lixo do bairro Teodoros que há mais de dois meses se acumula no local. O vereador aproveitou para ler um ofício, informando o seu desligamento da mesa diretora, em caráter irrevogável, por questões particulares; agradeceu a todos pelo apoio neste período em que esteve como primeiro secretário e pediu contar com a compreensão de todos. Não havendo mais nada a tratar, o presidente declarou encerrada a sessão e convocou a todos para a próxima sessão ordinária do dia 13 de Setembro às 18h30min. Desejou ainda uma boa noite, uma boa semana e que Deus os acompanhe. Dando como encerrados os trabalhos daquela sessão, eu José Maurício Gonçalves, Secretário da Mesa Diretora, lavrei a presente Ata, que após lida, e, se aprovada, será assinada por todos os Edis presentes.

Largada do 2º Trilhao do Braz em Brasópolis MG

Largada do 2º Trilhao do Braz em Brasópolis MG

21 de setembro de 2011

Fotos: Coral "Vozes de Euterpe" em Concerto Lítero-Musical"

O Coral "Vozes de Euterpe" apresentou o magnífico  "Concerto Lítero-Musical"  em homenagem ao dia da cidade, em 17 de setembro,  no Clube Wenceslau Braz.


Além de música coral e instrumental, foram apresentadas várias poesias de poetas brazopolenses.

Parabéns aos artistas e organizadores!



















20 de setembro de 2011

MENSAGEM AO NOSSO VICE PREFEITO AMAURI NORONHA

Amauri,
A qualquer hora em que você chegar, estaremos com o coração sorrindo para recebê-lo;
A qualquer hora em que nos chamar, nos apressaremos em atendê-lo;
A qualquer hora em que se sentires triste, permaneceremos com você, dando-lhe muito amor;
A qualquer hora em que você sorrir, renovarás todas as nossas alegrias;

Porque os verdadeiros amigos são assim: solidários na alegria e na dor!

Você hoje, vive um tempo de semear esperanças, tempo de querer, de buscar, de sonhar com dias melhores que virão.

Que você continue sendo este ser humano digno, exemplo de amor, amizade, honestidade e humildade, em nossa família e em nossa comunidade.

Sabemos que você tem uma infinita capacidade de lutar, fazendo de você um exemplo de bravura!

Peço a Deus que guarde em seu coração a coragem, a força e a fé, para que, mais tarde, você possa dizer sorrindo:

“Com Deus eu lutei... Com Deus eu venci!!!”


Querido primo/irmão/amigo:

Só quero dizer-lhe, como uma prece:

“QUE TODO O BEM QUE VOCÊ NOS FAZ, SE TRANSFORME EM BENÇÃOS, EM CORAGEM E EM VITÓRIA.

QUE DEUS O ABENÇOE E O PROTEJA!

AMO MUITO VOCÊ!”


E lembre-se sempre:

Não diga a Deus o tamanho de seu sofrimento. Diga ao seu sofrimento o tamanho do seu DEUS!

FOTOS DO III ENCONTRO DE ASA E PARAPENTE EM BRAZÓPOLIS- DIA 17 DE SETEMBRO
























Fotos de Rodrigo Noronha